terça-feira ,25 junho 2024
Home / Noticias / Nissan Frontier Attack 10 anos

Nissan Frontier Attack 10 anos

 Apresentada no Salão do Automóvel de São Paulo, a série especial 10 anos chega pra celebrar, além do aniversário da picape fabricada aqui no Brasil, também as mais de 80.000 unidades vendidas. Hoje a Frontier representa 11% do seguimento e perde em tecnologia em relação as suas concorrentes.

 A Chevrolet S10, líder do seguimento, a Ford Ranger, a VW Amarok e a Toyota Hilux, possuem controles de tração e estabilidade nas suas versões top de linha, na Frontier, nem como opcionais, a Chevrolet e a Ford oferecem câmbio automático de seis machas, a VW Amarok automática tem câmbio de oito machas, enquanto a Frontier automática tem cinco machas. O design da Frontier é de 2007, a Amarok foi lançada em 2010, a Hilux mudou a um ano atrás, a nova S-10 foi laçada em março e a nova Ranger em julho.

 A única vantagem em relação é no motor, mas potente que a maioria, com 190 cv de potência na versão top de linha, contra 163 cv da Toyota Hilux e 180 cv da S10 e da Amarok, só perde pra nova Ford Ranger, que tem 200 cv.

Fotos:Divulgação

+ Nissan Frontier SV Attack 10 Anos 4×2: R$ 95.990
Equipada com motor turbodiesel 2.5 de 163 cv, 41,1 kgfm de torque, e câmbio manual de cinco marchas, traz itens como direção hidráulica com coluna ajustável em altura, rodas de liga leve de 16 polegadas, faróis de neblina, computador de bordo e rádio com entrada auxiliar, além de alarme comandado pela chave e freios ABS (antitravamento) com EBD (distribuição da força de frenagem).
+ Nissan Frontier SV Attack 10 Anos 4×4: R$ 104.190
Traz exatamente os mesmos equipamentos da versão acima, mas ganha tração nas quatro rodas e o motor fica mais forte: potência sobe para 190 cv e torque para 45,8 kgfm.

+ Nissan Frontier SL Attack 10 Anos 4×4: R$ 124.990
Topo da configuração 10 Anos, a versão SL tem o mesmo motor da SV 4×4, mas deixa o câmbio manual de lado para adotar outro automático, também de cinco marchas. Fora isso, finalmente adiciona ao pacote o sistema VDC  (de Vehicle Dynamic Control, em inglês), que é composto por controles de tração e estabilidade, e um programa chamado de ABLS, que distribui a força de frenagem em trechos off-road; ar-condicionado digital automático de duas zonas, entrada USB no sistema de rádio e mais seis alto-falantes, câmera de ré com visualização no console central, rodas de liga leve de 18 polegadas, acabamentos cromados e controlador automático de velocidade.

About Junior Nunes

Você pode Gostar de:

Chevrolet Spin Activ

Best free WordPress theme

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *