Home / Noticias / Fiat Grand Siena Tetrafuel

Fiat Grand Siena Tetrafuel

O combustível sempre foi um assunto levado a sério na Fiat. Basta lembrar que ele foi à primeira montadora a testar, e lançar, um modelo a álcool em 1976 com o modelo 147. A tecnologia Tetrafuel também é marca registrada da montadora de Betim. O sistema de fábrica que permite que o carro rode com gasolina pura, gasolina brasileira, etanol e gás natural veicular, já faz parte da linha de modelos Siena há alguns anos.

 O Grand Siena também passa a ter esta opção quádrupla de combustível. Lançar este sistema em um modelo como o Grand Siena é proposital. O sedã, que ainda tem ares de novidade, depois de sua recente reformulação estética, é um modelo familiar, mas, principalmente, pode atender por completo frotas e taxistas.

 O motor 1.4 Fire com 8 válvulas conta com potência máxima de até 81 cv, quando abastecido com etanol e não é dos que mais empolga. O consumo varia de 9 km/l (etanol) até os 22,4 km/l (GNV). Durante o período do teste, abastecido com etanol e em perímetro urbano, o consumo não passou de 5,8 km/l, de acordo com o computador de bordo. Esta seria a condição de menor consumo do Grand Siena Tetrafuel. O melhor índice de consumo é rodar na estrada com GNV, onde ele atinge a casa dos 22 km/l. Quem não está acostumado pode pensar que gerenciar quatro opções de combustível pode ser algo confuso, mas não é. Para mudar o uso do tanque, para os cilindros basta acionar um botão no painel do carro. Cilindros estes, que estão colocados atrás do banco traseiro, no porta-malas, ocupando o lugar de uma mala de viagem média e impedindo o uso do rebatimento do banco traseiro.

 No interior os comandos são os mesmos de qualquer outro Grand Siena, com painel de fácil visualização e opção de comandos do rádio não volante. O computador de bordo tem funções básicas, mas que interessam no dia a dia, como consumo médio, tempo de viagem, e distância percorrida.

 O conforto para os quatro ocupantes é muito bom, inclusive no banco traseiro, os ocupantes não se apertam e ficam bem à vontade. A suspensão é um dos pontos de destaque. Mesmo nas ruas esburacadas de nossas cidades ele absorve muito bom os impactos e ajuda a gerar muito silêncio no interior do carro. No geral o Grand Siena Tetrafuel agrada, em cheio, quem quer um carro para trabalhar na praça, ou com kit de GNV já instalado de fábrica (ele tem a mesma garantia do modelo bi-combustível, 1 ano sem limite de quilometragem e 5 anos para a carroceria) além de confortável para a família ou clientes.

Fotos:Divulgação

 O modelo parte de R$ 48.210 e vem com os seguintes itens de série: direção hidráulica, travas elétricas, computador de bordo, volante com regulagem de altura, sistema de abertura elétrica do porta-malas (Logo Push), airbag duplo frontal, freio ABS com EBD e terceiro apoio de cabeça no banco traseiro, My Car Fiat, farois de neblina, alerta de limite de velocidade e manutenção programada, vidro traseiro com desembaçador temporizado e iluminação no porta-malas. Infelizmente, a Fiat ainda não oferece como itens de série já na versão de entrada Atttractive o ar-condicionado e o desembaçador com ar quente. Para tê-los, o comprador terá que pagar R$ 2.979,00 pelo ar e R$ 352,22 pelo desembaçador.

 Como opcionais, a Fiat oferece airbags laterais dianteiros, sistema de som com Bluetooth e entradas para vários tipos de conexões, comando de câmbio no volante, para-brisa térmico, volante revestido em couro com comandos do rádio, sensores de chuva, de estacionamento e crepuscular e para-brisa térmico, entre outros acessórios. O Grand Siena oferece quatro opções de cores sólidas e oito metálicas.

Fonte: Revista Torque

About Junior Nunes

Você pode Gostar de:

Chevrolet Spin Activ

Best free WordPress theme

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *